quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Lunático


Mesmo para aquele que de tristeza e em pranto,
Diante do véu obscuro, sombras da noite.
Sentir no peito uma dor intensa! Um açoite...
Continuar, espantado, a observar o seu manto.

Encontrará - por fim - se de apetite voraz
As estrelas que banham o céu da forma mais plena.
E de seu meio entre as nuvens, revelar-se serena
A Lua, da forma que a cada um mais apraz.

Por isso, se forem tomados por pensamentos tais
Busquem vê-la! Procurem Conversar com a Lua...
De Saudade e Desejo que se desprendem desiguais.

Encontrareis recanto lembrando-se dela ainda mais!
Posto que no céu ela é tão minha quanto é tua
E do pranto tereis algo digno de seres angelicais!



8 comentários:

  1. Ual, que poesia mais linda! Sério, gostei demais, acho que vou buscar conversar mais com a lua daqui em diante, haha'
    Ah, e é tudo incrível por aqui...

    Beijos ♥ Jeito Único

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico bastante alegre que tenha vindo, desejo que sinta-se em casa e agradeço o comentário. Vamos conversar com a lua! rsrsrs
      Beijos

      Excluir
  2. Não sou a pessoa mais fã de poesias do mundo, no geral acho meio mala, fico com a sensação de ser uma música em que falta ritmo rs
    Mas isso não aconteceu com o post, sério, eu gostei muito do seu poema.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo seu perfil ( a descrição que deixou no blog ), me felicitou bastante saber que consegui. Obrigado desde já pela paciência em comentar.

      Excluir
  3. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço, apareça mais, abraços!

      Excluir
  4. Nossa que poesia. Bem profunda e interessante! Adorei, sério e obrigada pela visita no blog, volte mais vezes (:
    beijo,

    Marina Alessandra do blog Pelos Dezoito
    @mariinaale

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi um prazer querida, obrigado pela visita e comentário aqui também.
      beijos

      Excluir

Supondo que você tenha lido o texto inteiro e que tenha sido do seu agrado, comente. Caso tenha lhe desagradado, comente também. Só NÃO comente...se for escrever coisas não condizentes com a proposta do blog. Agradeço desde já a paciência.